Respiro fundo e fico em dúvida. De novo.

Parece-me que está tudo perfeito, e a minha luta pelo ciúmes é quase inexistente.
Pareceu verdade? Pois menti diversas vezes um duas orações.

-Sinto ciúmes sim, você é meu. Meu amor, meu anjo -muito hilário falar isso sendo atéia-, meu babaca, meu drogado, e meu James Dean;
-Não está tudo perfeito. Não sei o que está acontecendo na sua parte, mas a minha desaprova quase em 50% dos meus conhecidos;
Ok, essas duas eram as mais óbvias…
-Bom, gostaria de dizer que eu estou lutando contra o meu ciúmes, sim. Sou observadora e qualquer pessoa que te observa por mais de 20 segundos, ah… Eu fico triste;
-Ainda não sei se estamos no “começo” de namoro, que tudo é pônei e Nutella, ou se você está sentindo o que fala para mim mesmo. Por exemplo que você não vai me deixar… Sinto que no momento que ficar mais tenso essa promessa vai esvair.
-Não me parece nada, tenho certeza que não está tudo perfeito, mas o que eu admiro muito em mim é a capacidade de auto avaliação
.

Eu estou feliz.
Always love,
Me.